Buscar
  • Estúdio Risca

Reforma sem dor cabeça: o que você deve fazer antes de começar a sua

Atualizado: 8 de Fev de 2020

Dicas essenciais para todas aqueles que pensam em reformar. Não comece a sua reforma sem seguir esses passos!



Se você está pensando em reformar sua casa ou apartamento já deve ter ouvido relatos das inúmeras dores de cabeça que você pode ter. Para minimizar esses problemas planejar é fundamental. Então antes de começar siga esses passos e resolva muitos problemas antes que eles apareçam.




DEFINA UM ORÇAMENTO: é muito importante que essa seja a primeira etapa quando decidir

reformar. Estipule o quanto você pode gastar e reserve uma verba para gastos inesperados, pois quando se trata de uma reforma isso acaba sendo bem comum.



LISTE SUAS PRIORIDADES: faça uma lista com seus desejos em ordem de prioridade. Nem sempre é possível fazer tudo de uma vez, mas com planejamento e tempo você poderá realizar tudo.

Pense qual a melhor época para essa reforma acontecer, lembre-se que você vai precisar estar disponível para tomar várias decisões. Não se apresse, reformas bem planejadas tem muito mais sucesso.



TENHA UM PROJETO: começar uma reforma sem projeto é dor da cabeça na certa. A melhor opção é contratar um profissional. O valor de um projeto feito por um arquiteto não chega a 15% do valor total da obra e a falta dele pode gerar um desperdício de 30%. Portanto, é um valor muito pequeno para um ganho incalculável, afinal você terá um projeto funcional, com qualidade estética, vai reduzir os desperdícios e otimizar o tempo, além de agregar mais valor ao seu imóvel. Se o orçamento está limitado é aí que você precisará de um profissional para guiar suas escolhas da forma mais eficiente possível e fazer seus sonhos caberem no seu bolso.

Começar uma reforma sem projeto é dor da cabeça na certa.

HORA DA OBRA: agora você vai precisar contratar profissionais que vão executar o projeto. (ter um projeto executivo feito por arquiteto vai te ajudar a fazer os orçamentos e de maneira mais precisa).


Normalmente as opções de contratação são duas:

Mais barata: você contrata cada prestador de serviço (pedreiro, pintor, gesseiro, eletricista, bombeiro e por ai vai...) de forma independente e você vai ser o responsável por gerenciar toda a obra, resolver os problemas que aparecem... é pra quem não tem experiencia isso pode ser traumático (haha). E se você ainda por cima não conhecer bons profissionais esse vai ser o famoso “barato que sai caro”

Mais cara: você contrata uma empresa especializada. Eles serão os responsáveis pela obra, em contratar e gerenciar os profissionais, resolver os problemas, pelo controle dos gastos e garantia de que os serviços serão executados de acordo com o projeto para que o resultado final seja como você sonhou.

Muitas vezes o próprio escritório de arquitetura oferece o serviço de gerenciamento da obra. Essa é uma ótima opção, uma vez que o projeto vai ser executado por quem projetou.


MANTENHA SEU ARQUITETO INFORMADO: mesmo depois do projeto entregue o arquiteto dá assessoria ao cliente e aos prestadores de serviço, e deve ser informado dos imprevistos que surgirem na obra. Além de acompanhar medições de marcenaria, bancadas, instalações especiais, teste de tinta, paginações in-loco... para que tudo sai perfeito!

Siga nossas dicas à risca que vai ser sucesso! Sua casa ou negócio vai ficar como sempre sonhou! Está pensando em reformar?? Entre em contato com a gente, vai ser um prazer realizar esse projeto com você

Siga nossas dicas à risca que vai ser sucesso! Sua casa ou negócio vai ficar como sempre sonhou! Está pensando em reformar?? Entre em contato com a gente, vai ser um prazer realizar esse projeto com você

11 visualizações0 comentário